comex 4.0

O que é Comex 4.0 e qual a importância da tecnologia para o setor?

O uso do termo “Comex 4.0” cresce cada vez mais dentro das empresas que trabalham com comércio exterior e faz relação direta com a adoção de novas tecnologias nesse setor. O uso de Internet das Coisas (IoT), Inteligência Artificial (IA), Sistemas Integrados e até mesmo Cloud Computing são novas apostas para este mercado.

Por isso, para você que trabalha com a gerência de operações ou outras áreas de dentro de um setor portuário ou como operador, saiba qual a importância da tecnologia para o comércio exterior e como o Comex 4.0 impacta a indústria. Veja também quais as principais ferramentas dessa nova metodologia e como ela funciona.

Se você ficou interessado no assunto, continue aqui e acompanhe!

O que é Comex 4.0?

O comércio exterior é uma atividade que exige muitos processos logísticos e que a empresa responsável esteja sempre atenta principalmente aos aspectos relacionados à burocracia. As leis aduaneiras mudam com recorrência e exigem que o setor portuário fique sempre de acordo com todas as normas.

Fazer isto manualmente é quase impossível. Além de ser uma sobrecarga enorme de serviço para os funcionários, é também extremamente perigoso, uma vez que a mão de obra humana potencializa as chances de erros na hora de liberar qualquer mercadoria.

Por isso, o Comex 4.0 é uma forma de aplicar a tecnologia aliada à empresa de comércio exterior. Com a aquisição de sistemas integrados, que centralizam as informações aduanas, além da computação em nuvem para aumentar a escalabilidade do software, é possível agilizar muitos processos logísticos e facilitar principalmente a etapa burocrática. 

Qual o impacto da indústria 4.0 no Comex 4.0?

A prática de digitalizar processos dentro de uma empresa de comércio exterior impacta diretamente no que chamamos de indústria 4.0. A Quarta Revolução Industrial, marcada pelo advento da tecnologia, mostra que processos logísticos podem ser otimizados por meio dessas ferramentas.

Em relação ao impacto, empresas que adotam essas estratégias tecnológicas contam com inúmeros benefícios relacionados à melhoria de operações internas, responsabilidade com a compliance das leis aduaneiras, entre outros procedimentos que são agilizados nesse ambiente de trabalho.

Por isso, com a união da indústria 4.0 e Comex 4.0 temos uma perfeita sintonia dos conceitos, resultando em serviços realizados com excelência. Isto é realizado por meio de recursos tecnológicos que agilizam os processos internos de um centro de distribuição.

Quais as principais tecnologias do Comex 4.0?

O comércio exterior trabalha diariamente com a entrada e saída de mercadorias. Para isso é extremamente importante que o Comex 4.0 ofereça recursos que supram essas necessidades e que facilite o serviço no ambiente de trabalho.

Por isso, dentro dos operadores logísticos, as ferramentas tecnológicas mais utilizadas são aquelas que integram recursos e que possibilitam a centralização de informações. A Inteligência Artificial também é usada, mas até o momento, em menor escala. 

Para que você entenda melhor sobre isso, separamos aqui quais são as principais tecnologias:

Sistema integrado

Essa é uma tecnologia que permite que os softwares de diferentes setores estejam se comunicando, garantindo assim que, todas as informações internas da sua empresa estejam disponíveis para os diferentes setores, áreas e funcionários, como por exemplo de diversos documentos aduaneiros (e não aduaneiros) para diferentes sistemas e também por diferentes meios como computadores, smartphones e outros dispositivos.

Essa tecnologia é fundamental para o Comex 4.0, uma vez que facilita a comunicação entre todas as áreas logísticas de um setor portuário e agiliza a entrada e saída de mercadorias nos operadores.

Cloud Computing

Por meio desse recurso é possível aumentar a escalabilidade de um sistema e fazer com que tudo da empresa fique centralizado em apenas um espaço remoto, sem utilizar o armazenamento de uma máquina física. Descarta a necessidade de instalar programas e permite o acesso de qualquer lugar do mundo

Isso influencia diretamente nos gastos, já que não é necessário pagar atualizações e manutenções constantes. Além de comprar mais ferramentas para fazer o armazenamento em um sistema físico. Também aumenta a segurança da informação por meio de tecnologias gerenciadas por equipes especializadas, como localização, segregação e recuperação de dados.

Internet das Coisas (IoT)

Por fim, a Internet das Coisas, que é semelhante à funcionalidade dos sistemas integrados, é uma tecnologia que integra diversos aparelhos e faz com que eles sejam automatizados em suas funções. 

Dentro do setor portuário, isso permite que máquinas façam processos sem que colaboradores fiquem no controle 24 horas. Por exemplo, o RFID (Identificação por rádio frequência) aplicado em “etiquetas inteligentes”, poderia permitir  que tais produtos fossem controlados por outros equipamentos, e não seres humanos. Além de automatizar diversos outros processos que acontecem na operação.

Como funciona o Comex 4.0?

Atualmente, o Comex 4.0 precisou se ressignificar devido à pandemia do COVID-19. Com a necessidade do isolamento social, fechamento de entrada e saída dos países e normas rigorosas com cuidados sanitários. 

O uso de IA, por exemplo, facilitou o processo de automatização de notificações por e-mail, aviso de prazos e outros serviços importantes dentro do setor portuário. Ou seja, transformou um procedimento manual, demorado e até mesmo um pouco complexo, em automático, rápido e fácil.

Ademais, o comércio exterior com recursos tecnológicos neste cenário investe pesado nos sistemas integrados. Uma vez que facilita a comunicação entre setores e evita que muitos colaboradores juntem-se para fazer o lançamento de documentos, averiguação de leis aduaneiras, entre outras atividades.

Podemos dizer que o Comex 4.0 funciona hoje em dia de maneira que agilize os processos internos e que automatize parte das atividades. Quanto mais se investe nisso, mais redução de custo e maior desempenho da operação.

Conclusão

Por isso, para você que é responsável pelas atividades do setor portuário e quer aplicar os recursos do Comex 4.0, conte com a Loginfo!

Somos uma empresa especializada em inovação nos centros de distribuição e transformamos recintos e outros operadores por meio da tecnologia. Temos diversos cases de sucesso no mercado, que você pode conferir aqui.

Para saber mais, fale com os nossos especialistas e conheça o que oferecemos a você!

Postar um Comentário