IATA: o que é e qual a importância da Associação? 

IATA: o que é e qual é a sua importância? 

Neste texto, falaremos a respeito da importância e das funções de uma organização internacional de linha aéreas, chamada IATA

A International Air Transport Association ou na tradução literal, Associação Internacional de Transporte Aéreo, é reconhecida universalmente. 

Foi fundada em Havana em 1945, mas atualmente a sua sede encontra-se em Quebec. 

Seu maior objetivo há mais de 70 anos é criar valor e inovação para o setor aéreo. A IATA dá maior prioridade para as empresas aéreas na especialização da aviação, ajudando assim nas operações com mais segurança e eficiência. 

Quer saber mais sobre o assunto? Continue a leitura até o final e contaremos tudo para você! 

O que é IATA? 

A Associação Internacional de Transporte Aéreo, ou IATA, foi criada por um grupo de companhias aéreas, na década de 1940. O objetivo principal da sua criação era representar a aviação em todos os assuntos pertinentes. 

Inegavelmente, o avião é considerado uma das invenções mais influentes da humanidade. As aeronaves melhoraram as conexões entres os diversos países, otimizando inclusive o tempo de duração das viagens que eram feitas por semanas via modal aquaviário. 

https://www.high-endrolex.com/47

Essa associação é uma organização global que lidera o setor aeroviário, atendendo sem dúvida a todas as demandas das companhias aéreas. 

Nesse ínterim, a IATA tem mais de 290 companhias, as quais representam uma média de 82% do tráfego aéreo mundial. 

Qual é o papel da IATA? 

Certamente, a IATA tem como sua principal responsabilidade identificar os aeroportos pelo mundo, por meio de uma sigla com três letras, as quais darão a localização do terminal aéreo. 

Somente para ilustrar, é responsabilidade dessa organização para o Brasil e para o mundo utilizar as informações prévias dos passageiros, sem violar a privacidade dos países. Ademais, a IATA respeita a as resoluções do Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU), no combate a todo tipo de crime. 

Com a missão de liderar e servir a indústria aérea, a IATA ainda desempenha muitas outras funções, como por exemplo: 

  • Melhorar a compreensão do setor aéreo; 
  • Defender os interesses das companhias aéreas mundiais; 
  • Desenvolver padrões comerciais e de segurança global para as exportações; 
  • Fomentar a sustentabilidade com a redução de gases nocivos. 

O que é o código IATA e para que serve? 

O código IATA não tem apenas a função principal de designar os aeroportos por todo o mundo, como também identificar bagagens anexadas nos balcões de check in por todos os voos realizados. Como dito acima, o código IATA usa siglas com os nomes dos aeroportos para identificar e diferenciar cada um deles. 

Algumas outras siglas e todo os dados sobre os nomes dos aeroportos pelo Brasil e mundo são denominadas pela mesma organização, para que as informações sobre cada local estejam devidamente organizadas. 

Como se tornar um membro IATA e quais são os seus benefícios? 

Caso a empresa aérea tenha o verdadeiro interesse em se tornar um membro do IATA, faz-se necessário o pagamento de duas taxas únicas, no valor de USD 15.000 cada para iniciar o processo. Além disso, é necessário o pagamento da taxa de anuidade no valor de USD 12.257, entre outros custos variáveis. 

Após os pagamentos, a empresa inda precisará cumprir com mais alguns procedimentos, como: 

  • ser avaliada pela Auditoria de Segurança Operacional IATA (IOSA); 
  • ter a avaliação administrativa da organização. 

Todos os membros da organização podem usufruir de muitos benefícios para manter a excelência na logística aérea. São eles: 

  • reconhecimento internacional atestando o atendimento de padrões; 
  • uso da sigla para fins comerciais e de marketing; 
  • participação de eventos com foco na segurança e na sustentabilidade; 
  • acesso aos treinamentos e serviços exclusivos. 

Por que a IATA é importante? 

A IATA tem muita importância para as empresas de setores estratégicos, como por exemplo, o setor aéreo, o qual envolve vidas, trânsito das cargas movimentadas pelo Comércio Exterior e, acima de tudo, muito dinheiro, investido em equipamentos, segurança e infraestrutura. 

Isso quer dizer que é necessário regulamentar o setor aéreo a fim de manter a sintonia tanto na operação, quanto na prevenção dos acidentes. 

Além disso, há a necessidade do desenvolvimento tecnológico contínuo das aeronaves, garantindo a execução das operações, por meio de regras aceitas pelo mercado financeiro. Dessa forma, as empresas conseguiram os financiamentos para dar andamento no planejamento de suas atividades com segurança. 

Com a finalidade de manter a importância da segurança nas operações executadas pelas empresas aéreas, as seguradoras garantem um bom nível de proteção. Consequentemente, reduzem-se os sinistros e os gastos. 

Ocorre também a queda no número de acidentes aéreos, com o fomento do democrático modal nas operações de cargas e de passageiros. 

Os parceiros no processo, como os sindicatos e as transportadoras, melhoram os cuidados protetivos dos profissionais e garantem a eficácia do transporte de cargas, respectivamente. 

Outros serviços que trazem benefícios aos seus membros 

A organização IATA proporciona outros programas, certificações e serviços, como o ONE Source, o CASS e o certificado CEIV. 

A plataforma chamada ONE Source é online, trazendo diversos benefícios para a indústria aeroviária. Através dela, as empresas nacionais e internacionais poderão encontrar parceiros homologados para vários serviços, como agentes de cargas, transportadores, aeroportos e companhias aéreas. 

A solução desenvolvida no Cargo Accounts Settlement Systems (CASS) veio para simplificar a cobrança e o pagamento entre companhias aéreas e os agentes de cargas. Dessa forma, é possível garantir o compliance nacional e internacional com a Receita Federal Brasileira e outros órgãos. 

Já a certificação CEIV (Centro de Excelência para Validadores Independentes) atesta que o seu portador possui alta qualidade e estrutura para a prestação de serviços no transporte de cargas em todos os processos a serem executados no Comércio Exterior. 

Conheça a Loginfo 

Em suma, podemos perceber a grande importância que o IATA tem na indústria aérea, tanto nas operações no mercado do turismo quanto no transporte de cargas nacionais e internacionais. 

Atuando há muitos anos no setor, a Loginfo representa, lidera e atende as companhias aéreas pautada na segurança e no compliance operacionais. 

A Loginfo usa tecnologia na gestão aduaneira e de armazéns gerais. Suas ferramentas otimizam os processos logísticos, reduzem os custos e aumentam a produtividade de seus clientes. 

Venha conhecer as soluções da Loginfo por meio do sistema WMS e tenha o total controle de sua operação de estoque de onde você estiver, de qualquer dispositivo e com muita facilidade. 

Leia mais

IATA

Mais vistos nesse momento